09 julho, 2009

Consulta na médica

Foi hoje. Para já, nada a acrescentar. Segundo ela, o que houver para se resolver, será resolvido esta semana. No entanto, estamos sempre no domínio das probabilidades. Ninguém sabe verdadeiramente o que vai acontecer. A evolução da situação não é algo controlável, apenas acompanhável. A médica disse uma coisa que já me tinha passado pela cabeça dezenas de vezes, dada a natureza da coisa: "Não sabemos a quantidade de grávidas infectadas, que curam a coisa sem se saber, nem sabemos a quantidade de bebés que morre in útero por causa deste virus." É que provavelmente se não temos levado o Pedro ao dermatologista, quando ele estava no auge da coisa, ainda hoje estávamos na doce ignorância. Assim, estamos angustiantemente conscientes dos riscos.

Falou-se ainda da possibilidade de se realizar uma transfusão sanguínea intrauterina. Em Portugal não se praticam, mas na Inglaterra sim. Mas dado o estado do bebé, concordou-se que o melhor seria esperar pela próxima ecografia, na próxima semana.

Entretanto este rapazito mexe desalmadamente, o que parece ser um bom sinal.

Nós cá nos aguentamos, nuns momentos melhores, noutros piores. Estamos preparados para o que der e vier. Ou pelo menos pensamos que estamos.

Não posso deixar de agradecer todos os comentários e mensagens de apoio que me foram chegando aqui ao blog e à caixa de e-mail. Acreditem que foram, e continuam a ser, importantes, porque me ajudam a sentir menos sózinha nesta estranha luta, em que não tenho qualquer poder. Obrigada a todas.

21 comentários:

Rita disse...

Sabes Carlinha... ninguém pode saber o que vocês estão a sentir, a não ser quem já passou por algo semelhante! Ninguém sabe o que a vida nos reserva, acho que a maior parte das pessoas apenas tenta caminhar pelo lado mais luminoso.
No entanto, sabemos que os obstáculos são inevitáveis, e, se alguns são pequenas pedritas das quais facilmente passamos por cima, outros são autênticas Muralhas da China, caramba!1
Não sei por que raio uma família tão querida como a vossa tem de estar a passar por toda esta angústia, apenas acredito que nada disto deverá ser em vão, e sei (ou acredito) que ainda vos vai tornar mais unidos e mais fortes, e que, talvez, só lá mais para a frente, e olhando para trás entenderão uma razão.
Eu, que acredito em energias, alma e espírito e num Amor Maior que circula em todos nós, acredito que nada disto é em vão.
Vamos manter a esperança, vamos manter todo o nosso Amor...
Nós, por aqui enviamo-vos todas as nossas melhores energias e a esperança de que tudo vai ficar bem, aconteça o que acontecer.

Assim um xi coração ENOOOOOOORME para ti... para o teu Peter e o S. manda um abraço ao papá.

SCAS disse...

só posso continuar a dizer-te o quanto estou contigo e como desejo que tudo corra bem e acabe por não ser nada... REzo por vós, sempre.
UM grande beijinho

Sandra e Afonso disse...

Carla, sempre contigo querida!
E com esse bébézinho também!
Beijos e muita, muita força!

Sandra

Bala disse...

Estou aqui.
Com o pensamento em vocês, porque esta coisa dos blogs nos liga às pessoas de uma forma inimaginável.

Muita força. E pensamento positivo! (é a parte mais difícil, imagino que sim)

Um abraço grande e bem apertadinho.

Nany disse...

Ninguém pode neste momento resolver a situação por um passe de mágica, embora muitas de nós quisessemos ser por uma vez a tal fada madrinha.
Apesar disso estamos a torcer por vocês e principalmente pelo vosso bebé. Notei nas palavras da médica esperança e é nela que nos temos de concentrar.
Por aqui tocemos muito, pedimos muito e acreditamos muito que tudo irá correr bem.
Pensamento positivo.
Um abraço forte
Nany

joana disse...

Não vos consigo tirar do pensamento... não mereciam estar a passar por isto. Desejo-vos serenidade para ultrapassarem este momento da melhor maneira possível.

Um beijo muito grande

teresa disse...

Amiga estou com o pensamento positivo para que tudo corra pelo melhor.
Vocês merecem o melhor do mundo.
Beijos.
Teresa e Matilde.

Ana disse...

Continuamos por aqui!
De pedra e cal a oferecer-vos a nossa amizade e todo o nosso apoio.
Um grande, grande beijinho!

Lisa_pt + Gil disse...

Não consigo de facto imaginar-me nessa situação... acho q de facto ver as coisas de fora é bem diferente do que senti-las e acredito que para vcs nada disto seja fácil...

Já te disse e volto a dizer-te se precisares de alguma coisa (acho q até moramos perto) tens o meu mail é só avisares. Fico a torcer para que td corra bem e que a infecção do teu menino não tenha implicações reais, ainda bem que ele mexe, que continue assim!

beijokas

Ana disse...

Força!

Bjs grandes

1gota disse...

Preparados nunca estamos, mas mantém a esperança que é muito importante.

Um beijinho grande querida.

:*

Mariah disse...

Um beijo grande querida Carla.

Mãe do Miguel Afonso disse...

Carla,

Não tenho conseguido deixar de pensar em ti.
Emociono-me e as lágrimas tendem a escorrer sempre que aqui tento escrever alguma mensagem de força porque ponho-me no teu lugar e penso como deve ser díficil passar por isto numa fase em que já por si se está especialmente sensível e vulnerável.

Se as vibrações positivas existirem e fizerem efeito acredita que o teu bebé vai superar tudo isto pois estamos todas a torcer por ti e por ele.

Um abraço mto amigo,
Ana

RJ disse...

Beijos grandes e bola para a frente!

Carla - Vida a 5 disse...

Olá Carla, há muito tempo que não comento nenhum blog, mas tenho te seguido e quero te dar mais um bocadinho de apoio, é a unica coisa que posso fazer. Pensamento positivo :) Vai tudo correr bem, estou a torcer por ti.
Já escolheste o nome do teu bebé?

O Pedro deve de estar o máximo, a Mariana também canta imenso, mas não se percebe nada.

Um beijinho muito grande para vocês os 4.
Carla

Ana Luísa disse...

Deixo-te um beijinho e todo o meu apoio, ainda que estejamos longe...
Custa-me imenso ler quando dizes que é uma luta em que não tens qualquer poder...
Pensamento positivo!
Um beijinho.

Joana e Rodrigo disse...

Querida Carla, estou ainda em choque com o que li! Nem sei bem o que te dizer, não consigo sequer imaginar o que estás a sofrer. Apenas te posso dizer que desejo do fundo do meu coração que a situação com o teu menino se resolva e que fique tudo bem!
Gostava de te mandar um email, mas n encontrei a morada!

Beijo

susana disse...

Força Amiga muita força...
Sempre contigo e com o teu bébé.
Pensamento positivo(ainda q por vezes seja dificil).

jokitas

Sónia e MI disse...

Minha querida, tenho estado tão ausente que nem sabia da gravidez, estive a ler para trás para saber o que se passa. Só te posso desejar tudo de bom, e torcer muito deste lado.

Beijos grandes e desculpa a ausência. Agora já estou em minha casa definitivamente, tenho por isso tempo para vir até aos blogs mais vezes.

Pensamento positvo!!

Barriguita disse...

não imagino aquilo que estás a passar, mas estou a torcer por vocês e espero que tudo acabe bem e não passe de um grande susto.

beijinhos e muita força!

Mariah disse...

Um beijo grande para ti, Carla.