20 maio, 2010

Privilégio

Como explicar a alegria que se sente quando se acompanha outra pessoa a uma primeira ecografia? Fui com ela porque o marido não conseguia ir, e era apenas a primeira, apenas para datação. Ela não se tem sentido bem, tive medo que fosse a conduzir, e por isso levei-a. Ela disse-me que não se importava que eu assistisse. E eu feliz, porque gosto destas coisas (fazem-me lembrar as minhas gravidezes). E a médica brinca, e diz, vamos lá ver se é um, se dois. E ela nervosa diz, que não, que é só um... E quando a médica coloca a sonda, eu penso que estou a ver coisas a duplicar. E a médica diz:" Bem, eu estava a brincar, mas estão aqui dois sacos." E confirma-se uma gravidez gemelar, com dois fetos com excelente vitalidade. E confirmou-se também uma grávida hiper nervosa e agora... e como vai ser? Ai... ai... Isto vai ser trabalho a mais. E eu, não, tudo se passa e que vai ser fantástico, porque acredito mesmo que vai.
E senti-me uma verdadeira privilegiada por poder estar ali naquele momento, porque não há nada mais fantástico que assistir à vida em formação: seja com 8 semanas de gestação, seja com seis meses de vida ou três anos.

3 comentários:

Nany disse...

A vida é algo de apaixonante com momentos marcantes e deliciosos. Podes sempre dizer que estiveste lá desde o 1º dia e quando os bebés nascerem e crescerem serão também um bocadinho teus.
Parabéns aos papás.
Bjs

Sofia disse...

:)

Rita disse...

UAU!! Que momento delicioso!! Imagino estes pais a darem a notícia à família! Deve ser tão giro!!
Que tudo corra bem :D