30 janeiro, 2008

Obrigada

Obrigada por terem feito com que eu deixasse de me sentir um extraterrestre. É que de todas as pessoas com quem me relaciono ninguém... repito NINGUÉM, conhece o Chapi Chapô. Eu adorava estes bonecos, ficava doida a vê-los... Havia outros que eu adorava: o Professor Baltazar e o Vicki. Eram os meus preferidos. Agora pergunto-me de que irá o meu filho gostar quando eu o deixar ver televisão???

6 comentários:

Bala disse...

Acreditas que durante imenso tempo achei que "o" Vicky era "a" Vicky?!?!?!?

Só há pouco tempo, num daqueles programas do Pedro Ribeiro é que descobri que era "o".... :oD

Bjinhos

Sandra e Afonso disse...

Olá!
Também tenho essa curiosidade!
Do que é que eles vão gostar?
Para já o Afonso fica quietinho a ver as musicas do Pigloo e do Avô Cantigas, e desenhos gosta de ver o Pocoyo.
Eu quando era pequena adorava o Dartacão e o Tom Sawyer!
Ainda hoje sei essas musica de cor e canto-as muitas vezes ao Afonso!
E lembro-me de chegar a correr do colégio para poder ver os Estrunfes (os Smurfs), porque no dia seguinte no colégio era sempre um dos temas de conversa.
Beijinhos Grandes,

Sandra e Afonso
www.bebeafonsinho.blogspot.com

Liliput disse...

Bal, Baltazar, Bal, Baltazar, Baltazar...
Adoro, adoro, adoro. Agora só falta recordar aquela grande família em forma de bolha que tinham o poder de transformação, como é que se chamavam?

Lojinha da Pipocas disse...

Eu lembro-me disso tudo!
Mas...a vicki era um rapaz????
Liliput será que estás a falar destes?: http://www.barbapapa.fr/gb/barbapapa.html
Beijoquinhas fofinhas

Liliput disse...

VIVA VIVA, SÃO OS BARBAPAPA. Eram e são os meus preferidos! Eram fabulosos. Obrigada lojinha da pipocas. Quanto ás preferências dos liliputianos, provavelmente na primeira infância vem o Nody em 1º lugar, que é mais velho do que a mãe, os estranhos amigos Telletubies e o Ruca. Será?

Ontem mostrei ao F6 um filme do Popeye. Ele já conhece os Barbapapa e adora o Tom&Jerry. Estamos a fazer progressos e a interferir nas escolhas... ainda bem!

rita disse...

Eu lembro-me, eu lembro-me! :)