24 novembro, 2008

E depois do terçolho....

... o trambolhão.

O Pedro começou a andar cedo. Mais ou menos. Começou a andar ainda não tinha um ano. Mas a verdade é que sempre (até agora) foi trapalhão: troçepa nos ajustes dos mosaicos do chão, no antiderrapante dos sapatos, tropeça até nos próprios pés, e para além disso gosta mesmo é de correr. E anda a correr entre a cozinha e a sala, entre a sala e os quartos... É sempre, sempre a correr...

Hoje, em casa da avó, quando vinha da sala a correr para a cozinha, tropeçou, vá-se lá saber em quê, caiu de joelhos e depois, como não conseguiu segurar a cabeça... Cabuuuummm!!! Em cheio com a testa na esquina do fogão. Galo, grande galo alindado com um fantástico golpe, que não sangrou, mas que faz com que pareça que o gato se zangou com ele. Desconfio que a avó chorou mais que ele, porque segundo ela diz: "Ele é um santinho, mal se ouviu!!!" Ora, eu que o conheço sei que a avó está a deturpar a realidade: De santinho não tem nada, ou não lhe chamasse eu "mafarrico", e não se ouviu? Deve ter gritado, e de que maneira, mas depois passou depressa. A avó ainda tentou pôr gelo, mas se ele deixou 2 minutos teve muita sorte.

Agora imaginem a pinta do meu filho na foto que ainda agora lhe tirei: Um olho inchado por causa de um terçolho e a testa negra e arranhada... A legenda será: "Imaginem como ficou o outro."

11 comentários:

joana disse...

O gelo, de facto, é o melhor para estas situações, mas para ter nas avós, que não têm o sangue frio de lhes pôr o gelo à força (por cá tb temos disso!), há um medicamento fantástico, que é o Arnidol Stick. É um tubinho um pouco maior que um batôn e é óptimo para andar na nossa carteira. Eu nunca saio sem um e já me fez jeito!

bjs

kris&biduzito disse...

o meu cá de casa é igual, já perdi a conta aos galos a sorte é que passa logo a seguir.
beijinhos e as melhoras

Pietra disse...

Oh, coitadinho! são uns apressados, estes meninos pensam que o mundo acaba amanhã e depois, pronto, acontece.
O melhor é o gelo, mas como eles não gostam, eu também costumo colocar um creme que contém camomila e arnica que costuma ser bom,
bjs

Carla - Vida a 4 disse...

As melhoras para as maleiras do pequeno Pedro.
A Patrícia tem 4 anos e ainda é assim, tropeça em tudo e mais alguma coisa. O médico diz que é normal e que não tem problemas nas pernas, só tem d acentar um bocadinho mais.
Vamos a ver quanto tempo, né?

Sandra e Afonso disse...

Possa, esse galo até a mim doeu!
O Arnidol é muito bom para isto e não deixa ficar "galo".
Beijo, beijo, beijo

Sandra e Afonso
www.bebeafonsinho.blogspot.com

Bala disse...

Xiça, que até a mim me doeu!!!
Coitadito!

Aproveita a sugestão do Arnidol, é fantástico, de facto.

Bjinhos

Sandra e Dinis disse...

Ai ... aqui tb tivemos um acidente, por causa das corridas entre a sala e a cozinha...

Imagino a cara dele... cheia de nódoas negras!

Muito, muito gelo é o melhor que há, coisa dita pelo ortopedista que o viu .
Bjs

Lisa_pt + Gil disse...

O Gil tb anda sp a correr e com uma velocidade q nem sei... Já me deu uns qts sustos... deixa lá q estas coisas são normais...

Beijokas

)0( disse...

Carla, essa descrição foi tão boa que eu quase me aleijei!! :D
Mas essas quedas e cabeçadas também são coisas correntes por aqui.

Beijos nos dóis-dóis do Pedro.

Joana e Rodrigo disse...

São uns trapalhões! O meu é igual tropeça nos próprios pés!
Também sigo o conselho da Joana arnidol!

Beijo

Sofia, Pedro e Joana disse...

Ai, mas que grande susto...
Beijinhos,Sofia,Pedro e Joana